Planejar Rotas

Anotação:

Esta funcionalidade é atualmente suportada apenas no Map Viewer Classic. Ele estará disponível em uma versão futura do Map Viewer.

Planejar Rotas A ferramenta Planejar Rotas determina como uma frota de veículos pode visitar um conjunto de paradas em menos tempo.

Diagrama do fluxo de trabalho

Diagrama do fluxo de trabalho Planejar Rotas

Exemplos

  • Uma equipe de quatro inspetores realiza diariamente inspeções sem aviso prévio em restaurantes de San Diego County. A ferramenta Planejar Rotas pode ser utilizada para atribuir restaurantes e rotas de cada um dos inspetores.

    Consulte a lição Planejar Rota para Inspetores de Comida para o fluxo de trabalho completo.

  • Uma equipe de quatro inspetores tem uma lista de 30 locais de trabalho que eles precisam visitar. Seu gerente utiliza a ferramenta Planejar Rotas para compreender como ele pode atribuir locais de trabalho para inspetores de forma que a maioria das inspeções possa ser executada dentro de 8 horas—a duração do dia de trabalho.

Anotações de uso

Uma única camada de pontos é utilizada como entrada para representar as paradas desejadas.

As rotas podem ser criadas com base em um dos diversos modos de viagem. Os modos de viagem podem ser configurados pelo administrador da sua organização. O administrador também pode adicionar novos modos de viagem ou remover modos de viagem que não são necessários para sua organização. A medida de distância padrão estará em milhas ou quilômetros, dependendo da configuração de Unidades no seu perfil.

Modo de viagemDescrição

Tempo de Caminhada Tempo de Caminhada

Segue caminhos e estradas que permitem tráfego de pedestre e localiza soluções que otimizam o tempo de viagem. A velocidade de caminhada é configurada para 5 quilômetros por hora.

Distância do Percurso em Área Rural Distância do Percurso em Área Rural

Modela o movimento dos carros e outros automóveis pequenos semelhantes, como caminhões pickup e localiza as soluções que otimizam a distância da viagem. Obedece estradas de mão única, evita conversões ilegais e segue outras regras específicas para carros, mas não desencoraja viagem em estradas sem pavimentos.

Tempo de Percurso Tempo de Percurso

Modela o movimento dos carros e outros automóveis pequenos semelhantes, como caminhões pickup e localiza as soluções que otimizam o tempo de viagem. Obedece estradas de mão única, evita conversões ilegais e segue outras regras específicas para carros. Quando você especifica um horário de início, as velocidades de viagem dinâmicas com base no tráfego são usadas onde os dados de tráfego estão disponíveis.

Distância do Percurso Distância do Percurso

Modela o movimento dos carros e outros automóveis pequenos semelhantes, como caminhões pickup e localiza as soluções que otimizam a distância da viagem. Obedece estradas de mão única, evita conversões ilegais e segue outras regras específicas para carros.

Distância de Caminhada Distância de Caminhada

Segue caminhos e estradas que permitem tráfego de pedestre e localiza soluções que otimizam a distância da viagem.

Tempo de Percurso em Área Rural Tempo de Percurso em Área Rural

Modela o movimento dos carros e outros automóveis pequenos semelhantes, como caminhões pickup e localiza as soluções que otimizam o tempo de viagem. Obedece estradas de mão única, evita conversões ilegais e segue outras regras específicas para carros, mas não desencoraja viagem em estradas sem pavimentos. Quando você especifica uma hora de partida, as velocidades de viagem dinâmicas baseadas em tráfego são utilizadas onde estiverem disponíveis.

Tempo de Caminhão Tempo de Caminhão

Modela viagens de caminhão básicas preferindo rotas de caminhão designadas e localiza soluções que otimizam a distância da viagem. As rotas devem obedecer as estradas de mão única, evitar conversões ilegais e assim por diante. Quando você especifica uma hora de partida, as velocidades de viagem dinâmicas baseadas em tráfego são utilizadas onde estiverem disponíveis, até o limite legal de velocidade do caminhão.

Siga as regras aplicáveis para caminhões pesados.

Distância de Caminhão Distância de Caminhão

Modela viagens de caminhão básicas preferindo rotas de caminhão designadas e localiza soluções que otimizam a distância da viagem. As rotas devem obedecer as estradas de mão única, evitar conversões ilegais e assim por diante.

Siga as regras aplicáveis para caminhões pesados.

Os pontos de partida podem ser especificados utilizando uma camada de ponto ou a ferramenta Desenhar. Quando houver somente um ponto, todos os veículos terão a mesma localização de partida. Quando houver mais de um ponto, o número de veículos deverá corresponder ao número de pontos na camada. O campo Route ID é selecionado para identificar as rotas individuais, veículos ou controladores.

Todas as rotas devem ter o mesmo tempo de partida. O tempo de partida corresponderá à hora local onde os pontos de partida estão localizados.

As rotas podem finalizar em uma das três localizações: o local partida ou locais, um único local final ou muitos locais finais. Todas as rotas retornarão ao seu local inicial por padrão. Para alterar ao local final, desmarque a caixa de seleção Retornar ao início e adicione um ou mais locais finais. Se todas as rotas finalizarem no mesmo local, o local poderá ser especificado utilizando uma camada contendo um único ponto ao adicionar um ponto no mapa utilizando ferramenta Desenhar. Se múltiplos locais finais forem utilizados, uma camada com pontos finais poderá ser especificada. O campo Route ID será utilizado para identificar as rotas, veículos ou controladores. Se houver múltiplos pontos iniciais e finais, então os IDs da rota deverão corresponder. Para mais informações sobre locais iniciais e finais da rota, consulte a seção Como funciona Planejar Rotas.

O parâmetro Número máximo de veículos para criar rota determina o número máximo de veículos que podem estar na rota. A tabela a seguir explica o número máximo de veículos dependendo do número de locais iniciais e locais finais.

Locais iniciaisLocais finaisMáximo de veículos

Um

Um

Até 100.

A ferramenta pode ser capaz de localizar uma solução favorável com menos do que o máximo especificado dependendo das outras configurações de parâmetros.

Um

Mais de um

O mesmo que o número de locais finais. Este valor não pode ser editado.

Mais de um

Um

O mesmo que o número de locais iniciais. Este valor não pode ser editado.

Mais de um

Mais de um

O mesmo que o número de locais iniciais e finais. Este valor não pode ser editado.

Anotação:

O número de locais iniciais e locais finais deve corresponder.

O parâmetro Número máximo de paradas por veículo pode ser utilizado para equilibrar a carga de trabalho entre os veículos. Quanto mais baixo for o número máximo de paradas por veículo, mais igual o número de paradas será para cada motorista.

O parâmetro Tempo gasto em cada parada será o mesmo para todas as paradas e deve representar o tempo de parada médio esperado.

O parâmetro Limitar o tempo de rota total por veículo também pode ser utilizado para equilibrar a carga de trabalho entre os veículos. O limite são 8 horas, por padrão, para refletir um dia de trabalho padrão, mas o limite também pode ser alterado ou removido desmarcando a caixa de seleção.

A saída será uma camada de grupo contendo rotas mostrando o menor caminho de cada parada, paradas codificadas com suas rotas correspondentes, e se nenhuma das paradas for alcançada com os parâmetros fornecidos, uma camada de paradas não atribuídas.

O parâmetro Selecionar camadas de barreira pode ser utilizado para especificar uma ou mais feições que atuam como restrições temporárias ao viajar nas ruas subjacentes.

Se você selecionar Incluir camadas de rota, cada rota do resultado também será salva como uma camada de rota. Uma camada de rota inclui todas as informações de uma rota em particular, como as paradas atribuídas à rota, como também, as direções do percurso.

Se Utilizar extensão de mapa atual estiver selecionada, somente as feições que são visíveis dentro da extensão de mapa atual serão consideradas na análise. Se não selecionada, todas as feições na camada de entrada serão consideradas, mesmo que estiverem fora da extensão de mapa atual.

Dica:

Clique em Mostrar Créditos antes de você executar sua análise para verificar quantos créditos serão consumidos.

Limitações

  • Não pode ser especificado mais do que 2.000 paradas.
  • Não podem ser geradas rotas para mais do que 100 veículos.
  • Não pode ser especificado mais do que 200 paradas por veículo.
  • As condições de tráfego não estão disponíveis para modos de viagem na ferramenta Planejar Rotas.
  • Um erro ocorrerá se a ferramenta levar mais de 4 horas para executar. Se este erro ocorrer, tente executar novamente a análise com menos feições de entrada.
  • Você pode especificar até 250 feições para atuar como barreiras de ponto.
  • Se o número de feições de rua interseccionadas por todas as barreiras de linha exceder 500, a ferramenta retornará um erro.
  • Se o número de feições de rua interseccionadas por todas as barreiras de polígono exceder 2.000, a ferramenta retornará um erro.
  • A distância em linha reta entre todas as paradas e os locais iniciais e finais da rota não poderá ser superior a 27 milhas (43.45 quilômetros) quando o modo de viagem for Tempo de Caminhada ou Distância de Caminhada.

Como funciona Planejar Rotas

As seções abaixo descrevem a funcionalidade da ferramenta Planejar Rotas.

Planejar Rotas versus rota de único veículo

A maioria das pessoas está familiarizada com navegação de único veículo, que calcula um conjunto de paradas e localiza a rota mais rápida para um veículo visitá-las. Algumas ferramentas de navegação de único veículo podem reorganizar a ordem das paradas para prevenir a rota de regressar e cruzar ela própria, que em última instância minimiza o tempo de viagem ou distância geral.

A ferramenta Planejar Rotas é semelhante, mas em vez de gerar uma rota de único veículo de cada vez, ela cria as rotas para muitos veículos de uma vez. Além disso, ela determina como as paradas devem ser atribuídas entre várias rotas e a melhor ordem na qual as rotas devem visitar as paradas.

Iniciando e finalizando locais

Os locais iniciais e finais de rotas ou veículos, são tão importantes quanto os locais das paradas que eles visitarão. Com o conhecimento de todos estes locais, a ferramenta pode atribuir as paradas para os veículos mais próximos para reduzir tempos de viagem em geral. Em alguns casos, a ferramenta Planejar Rotas nomeia as rotas de saída baseada onde iniciar e finalizar.

Esta seção descreve como você pode especificar pontos iniciais e finais da rota e como você pode associá-los com motoristas ou rotas específicas. Você pode visualizar os gráficos nas seguintes subseções e ler as rotas através de alguma com ilustrações que retratam melhor os locais iniciais e finais dos veículos que você está criando a rota.

Diversos parâmetros podem ser utilizados em combinação para configurar os pontos iniciais e finais. Como uma breve introdução, eles são mostrados abaixo com uma pequena descrição de como eles são relevantes. Estes parâmetros são referenciados em mais detalhes nas subseções que seguem.

Parâmetros do local inicial e final

ParâmetroDescrição

Camada Inicial

Este parâmetro é sempre exigido. Ao definir valores para os outros parâmetros listados aqui, se você fornecer um ou vários pontos de partida. Você pode definir uma camada com um ou mais pontos ou você pode definir exatamente um ponto utilizando a ferramenta de edição interativa.

Campo ID da camada Inicial

Este parâmetro aparece e é relevante somente quando mais de um local inicial é especificado. Pode ser um número de rota, o nome do motorista ou algum outro nome único.

Retornar ao início

Marque Retornar ao início se você desejar que rotas terminem onde começaram; desmarque se as rotar finalizarem em outro lugar. Você também precisa fornecer um ou mais locais finais se Retornar ao início estiver desmarcado.

Camada Final

Este parâmetro é habilitado e exigido quando Retornar ao início está desmarcado. Você pode definir uma camada com um ou mais pontos ou você pode definir exatamente um ponto utilizando a ferramenta de edição interativa.

Campo ID da camada Final

Isto é exigido quando Retornar ao início está desmarcado e uma camada com mais de um ponto é especificada como o local final. O campo ID pode ser um número de rota, o nome do motorista ou algum outro nome único.

Um ponto de partida e retornando ao início

O problema mais comum para configurar é onde todas as rotas inciam e finalizam no mesmo local. Uma organização beneficente buscando entregar eficazmente doações para usuários necessitados estaciona suas vans de entrega em um único armazém. Em dias de entrega, os voluntários carregam as vans, que então se espalham por várias paradas para entregar os pacotes. As vans retornam ao armazém após completar suas entregas.

Os locais iniciais e finais são definidos como segue:

  • Camada Inicial—A camada inicial deve ter somente um ponto, que pode ser especificado interativamente no mapa ou escolhendo uma camada com um ponto.
  • Retornar ao início—Marcado.

Entrada para um local inicial e retornando ao início
A entrada inclui um local inicial e retornando ao início.
Saída para um local inicial e retornando ao início
A saída inclui um local inicial e retornando ao início.

As rotas de saída iniciam e finalizam no mesmo único local.

Um ponto de partida e um ponto final

Às vezes todas as rotas iniciam em um local e finalizam em outro. Por exemplo, ao planejar rotas para diversas vans de passageiro que deixarão uma garagem, buscar os espectadores de suas casas e levá-los para um evento, tal como um concerto, a garagem é especificada como o único local inicial e o evento se torna o único local final.

Os locais iniciais e finais são definidos da seguinte maneira:

  • Camada Inicial—A camada inicial deve ter somente um ponto, (por exemplo, a garagem onde as vans são estacionadas), que pode ser especificado interativamente no mapa ou escolhendo uma camada com um ponto.
  • Retornar ao início—Desmarcado.
  • Camada Final—A camada final deve ter somente um ponto, (por exemplo, o evento onde os passageiros foram deixados), que pode ser especificado interativamente no mapa ou escolhendo uma camada com um ponto.

Entrada para um local inicial até um local final
A entrada inclui um local incial e um local final.
Saída para um local inicial até um local final
A saída inclui um local incial e um local final.

As rotas de saída iniciam em um local e finalizam em outro.

Pelo fato de todos os motoristas iniciarem e finalizarem nos mesmos dois locais, é assumido que qualquer motorista pode dirigir qualquer rota, então as rotas de saída recebem nomes, tais como, Route 1 e Route 2.

Muitos pontos de partida e retornando para o início

Para este tipo de problema, cada rota inicia de um único ponto, visita suas paradas atribuídas e finaliza no local onde iniciou. Por exemplo, os inspetores podem iniciar o dia em suas casas, ir para vários locais de inspeção e retornar para casa no fim do dia.

Os locais iniciais e finais são definidos da seguinte maneira:

  • Camada Inicial—Inclui múltiplos pontos nesta camada: um para cada local inicial (por exemplo, um ponto representa um local do inspetor). Note que cada rota é sempre atribuída ao seu próprio ponto de partida para este tipo de problema. Se um subconjunto de rota iniciar no mesmo local, adicione seus pontos de partida próximos ou em cima dos outros para garantir que cada rota tenha seu próprio local inicial correspondente.
  • Campo ID da camada Inicial—Escolha o campo ID para este parâmetro. A camada inicial deve ter um campo que identifique as rotas ou motoristas exclusivamente. Pode ser um número de rota, o nome do motorista ou algum outro nome único.
  • Retornar ao início—Marcado.
Entrada para muitos locais iniciais e retornando ao início
A saída inclui muitos locais inciais e retornando ao início.
Saída para muitos locais iniciais e retornando ao início
A saída inclui muitos locais inciais e retornando ao início.

As rotas de saída iniciam em múltiplos locais e finalizam em seus locais iniciais.

Já que as rotas e seus motoristas iniciam em locais únicos, o campo ID da camada inicial deve ser especificado. Os nomes das rotas de saída são automaticamente gerados para serem os mesmos que os valores no campo ID então as rotas podem ser atribuídas e entregues para os motoristas apropriados.

Muitos pontos de partida e um ponto final

Cada rota inicia de um único ponto, visita suas paradas atribuídas e convergem com as outras rotas em um único local final para este tipo de problema. Por exemplo, motoristas de ônibus escolar do distrito da escola rural estacionam seus ônibus em suas casas a noite. De manhã, eles iniciam as rotas de casa, pegam os alunos e os deixam em uma escola.

Os locais iniciais e finais são definidos da seguinte maneira:

  • Camada Inicial—Inclui múltiplos pontos nesta camada: um para cada local inicial (por exemplo, um ponto no local de cada motorista de ônibus). Note que cada rota é sempre atribuída ao seu próprio ponto de partida para este tipo de problema. Se um subconjunto de rota iniciar no mesmo local, adicione seus pontos de partida próximos ou em cima dos outros para garantir que cada rota tenha seu próprio local inicial correspondente.
  • Campo ID da camada Inicial—Escolha o campo ID para este parâmetro. A camada inicial deve ter um campo que identifique as rotas ou motoristas exclusivamente. Pode ser um número de rota, o nome do motorista ou algum outro nome único.
  • Retornar ao início—Desmarcado.
  • Camada Final—Inclui um ponto representando o local final (por exemplo, a escola).

Entrada para muitos locais iniciais até um final
A entrada inclui muitos locais iniciais e um local final.
Saída para muitos locais iniciais até um local final
A saída inclui muitos locais iniciais e um local final.

As rotas de saída iniciam em múltiplos locais e finalizam em um local.

Já que as rotas e seus motoristas iniciam em locais únicos, a camada inicial tem muitos pontos e a propriedade do campo ID da camada inicial é visível e deve ser especificada. Os nomes das rotas de saída são automaticamente gerados para serem os mesmos que os valores do campo ID então as rotas podem ser atribuídas e entregues para os motoristas apropriados.

Um ponto de partida para muitos pontos finais

No tipo de problema um para muitos, todas as rotas iniciam de um ponto, visitam suas paradas atribuídas e finalizam em locais únicos. Para uma empresa de serviço público que precisa pendurar etiquetas de aviso de fechamento das portas de clientes inadimplentes, são oferecidos aos funcionários uma remuneração extra para pendurar as etiquetas no seu caminho para casa do trabalho. Os empregados que aceitam a tarefa pegam as etiquetas no escritório central, dirigem para várias paradas para pendurar as etiquetas e finalizam sua rota em suas próprias casas.

Os locais iniciais e finais são definidos como segue:

  • Camada Inicial—A camada inicial deve ter somente um ponto, (por exemplo, o escritório central), que pode ser especificada interativamente no mapa ou escolhendo uma camada com um ponto.
  • Retornar ao início—Desmarcado.
  • Camada Final—Inclui múltiplos pontos nesta camada: um para cada local final (por exemplo, os locais dos funcionários). Note que cada rota é sempre atribuída ao seu próprio ponto final para este tipo de problema. Se um subconjunto de rotas finalizar no mesmo local, adicione seus pontos finais próximos ou em cima dos outros para garantir que cada rota tenha seu próprio local final correspondente.
  • Campo ID da camada Final—Escolha o campo ID para este parâmetro. A camada final deve ter um campo que identifique as rotas ou motoristas exclusivamente. Pode ser um número de rota, o nome do motorista ou algum outro nome único.

Entrada para um local inicial até muitos locais finais
A saída inclui um local inicial e muitos locais finais.
Saída para um local inicial até muitos locais finais
A saída inclui um local inicial e muitos locais finais.

As rotas de saída iniciam em um local e finalizam em múltiplos locais.

Já que as rotas e seus motoristas finalizam em locais únicos, a camada final tem muitos pontos e a propriedade do campo ID da camada final é visível e deve ser especificada. Os nomes das rotas de saída são automaticamente gerados para serem os mesmos que os valores do ID de rotas então as rotas podem ser atribuídas e entregues para os motoristas apropriados.

Muitos pontos de partida para muitos pontos finais

Em alguns cenários de planejamento, cada rota tem locais de partida e locais finais únicos.

Os locais iniciais e finais são definidos como segue:

  • Camada Inicial—Inclui múltiplos pontos nesta camada: um para cada local inicial. Note que cada rota é sempre atribuída ao seu próprio ponto de partida para este tipo de problema. Se um subconjunto de rota iniciar no mesmo local, adicione seus pontos de partida próximos ou em cima dos outros para garantir que cada rota tenha seu próprio local inicial correspondente.
  • Campo ID da camada Inicial—Escolha o campo ID para este parâmetro. A camada inicial deve ter um campo que identifique as rotas ou motoristas exclusivamente. Pode ser um número de rota, o nome do motorista ou algum outro nome único.
  • Retornar ao início—Desmarcado.
  • Camada Final—Inclui múltiplos pontos nesta camada: um para cada local final. Note que cada rota é sempre atribuída ao seu próprio ponto final para este tipo de problema. Se um subconjunto de rotas finalizar no mesmo local, adicione seus pontos finais próximos ou em cima dos outros para garantir que cada rota tenha seu próprio local final correspondente.
  • Campo ID da camada Final—Escolha o campo ID para este parâmetro. A camada final deve ter um campo que identifique as rotas ou motoristas exclusivamente. Pode ser um número de rota, o nome do motorista ou algum outro nome único.

Entrada para muitos locais iniciais e finais
A entrada inclui muitos locais inciais e finais.
Saída para muitos locais iniciais e finais
A saída inclui muitos locais inciais e finais.

As rotas de saída iniciam em múltiplos locais e finalizam em múltiplos locais.

Benefícios de utilizar a ferramenta Planejar Rotas

A ferramenta Planejar Rotas oferece os seguintes benefícios:

  • Ela simplifica, caso contrário, o trabalho complicado de plotar rotas para uma frota de veículos.
  • Ela gera rotas eficientes, que economiza tempo e recursos para a organização inteira e limita o uso de combustível e poluição de veículo.
  • Ela armazena os resultados no ArcGIS Online, o que torna mais eficiente o compartilhamento de rotas com motoristas.

Camadas de rota

A criação de camadas de rota é útil se você deseja compartilhar as rotas individuais com outros membros na sua organização ou se deseja modificar ainda mais as rotas utilizando o botão Direções no Map Viewer Classic. As camadas de rota utilizam o nome fornecido para a camada de feição como um prefixo e o nome da rota gerado como parte da análise é adicionado para criar um nome único para cada camada de rota.

Ferramentas semelhantes

Utilize Planejar Rotas para planejar rotas de viagens com múltiplas paradas para uma frota de veículos. Outras ferramentas podem ser úteis para solucionar problemas semelhantes, mas ligeiramente diferentes.

Ferramentas de análise do Map Viewer Classic

Se você estiver tentando medir o tempo ou a distância entre pares de pontos, utilize a ferramenta Conectar Origens aos Destinos.

Ferramentas de análise do ArcGIS Pro

A ferramenta Planejar Rotas executa uma função semelhante para o solucionador do Problema de Rota do Veículo no ArcGIS Network Analyst extension.